Veja galeria de fotos acima

Cadeira Spaghetti, de Fernando Jaeger, faz 30 anos

A Cadeira Spaghetti foi criada em 1989 pelo designer Fernando Jaeger. A fonte de inspiração foi o costume comum em cidades do interior das famílias sentarem-se na calçada para passar o tempo livre, bater papo ou simplesmente presenciar o vai e vem das pessoas. Nesse cenário, a peça mais importante era a cadeira retirada via de regra da varanda ou da própria sala para ser colocada na área externa da casa.

Tal mobília necessitava ser leve, confortável e despojada, para suportar sem grande estranhamento essa mudança constante de local.  Daí surgiu a ideia de usar o espaguete como estofo dessas peças. Esse espaguete, que em princípio era feito de plástico oco na Itália da década de 1980, passou, após algumas adaptações pelo designer, a ser utilizado em plástico maciço, especial (que até então não tinha no mercado), suportando com segurança o peso das pessoas e adaptando-se a qualquer ambiente.

“Criei a Cadeira Spaghetti com o novo material que desenvolvi, levando em conta duas características importantes: conforto e design contemporâneo. Logo depois veio e Poltrona Spaghetti e, por fim, a Mini Spaghetti para as crianças, formando assim a
Linha Spaghetti”, conta Jaeger.

Para o designer, o sucesso da peça está atrelado ao seu bom desenho, solidez e versatilidade. “Não há um lugar específico para ela. A Cadeira Spaghetti se encaixa onde há necessidade de conforto aliado a uma peça dinâmica e atemporal”, comenta Jaeger.

Esta notícia é sobre a sua empresa? se cadastre e deixe seu contato