fimma_rogerio_e_euclides.jpg

FIMMA Brasil é adiada e não há nova data definida por enquanto

A Movergs (Associação das Indústrias de Móveis do Rio Grande do Sul) emitiu nesta quarta-feira (13) um comunicado oficial para avisar que a FIMMA Brasil 2021 será adiada. A entidade ainda não definiu uma nova data devido às incertezas e restrições provocadas pela pandemia do coronavírus.

Abaixo você lê o comunicado assinado por Rogério Francio e Euclides Rizzi, presidentes da Movergs e da FIMMA Brasil 2021 respectivamente, na íntegra:

"A Associação das Indústrias de Móveis do Estado do Rio Grande do Sul (Movergs) comunica, oficialmente, o adiamento da FIMMA Brasil, que ocorreria em Bento Gonçalves, de 26 a 29 de abril de 2021.

Essa é uma decisão que parte da diretoria da feira e sua entidade promotora, com o intuito principal de preservar a saúde de todos os nossos públicos de uma exposição à Covid-19, neste momento em que as pessoas anseiam pela imunização.

Também responde a uma questão sensível de mercado, no qual o ambiente de incertezas, as restrições de viagens e o fluxo nos aeroportos, dificulta para a FIMMA Brasil garantir a qualidade esperada que a feira representa.

Levando essas questões em consideração e, sobretudo, pesando o compromisso da Movergs para com seus expositores, visitantes e comunidade local, a decisão mais responsável no momento é o adiamento da FIMMA Brasil. Ainda não existe nova data. Brevemente, em conjunto com o expositor, haverá essa definição com ampla divulgação.

Salientamos que as Rodadas de Negócios virtuais, agendadas para maio de 2021, estão confirmadas, sem qualquer alteração nesse projeto em específico.

Nossas equipes estão à disposição para sanar quaisquer dúvidas que restem desse anúncio.

Cordialmente,

Rogério Francio | Presidente da Movergs

Euclides Rizzi | Presidente da Fimma Brasil"

leia: RODADAS VIRTUAIS DA MOVELSUL FOMENTAM U$ 35 MI EM EXPORTAÇÕES
Esta notícia é sobre a sua empresa? se cadastre e deixe seu contato