producion_de_muebles.jpg

Paranaenses fecham 2019 com queda na produção

A retomada das vendas do varejo no último trimestre do ano não alcançou as indústrias de móveis do Paraná. Em consequência, a produção recuou 1% em 2019, segundo dados divulgados pelo IBGE nesta quarta-feira, 12. “A reposição dos estoques nas lojas ficou para janeiro e isso prejudicou o resultado do nível de produção, embora houvesse uma leve recuperação em dezembro, de 0,4% em relação aos níveis de novembro”, revelou um empresário paranaense. A análise faz sentido, porque o nível de produção de novembro também havia subido 0,2% em relação a outubro, mostrando que a tendência é de alta, o que deve se confirmar com os dados de janeiro.

Por seu lado, as indústrias do Rio Grande do Sul, outro estado em que o IBGE pesquisa o nível de produção de móveis, fecharam 2019 com expansão de 2,7%, ou seja, 1,2% maior do que o nível de novembro. Na comparação com dezembro de 2018, o índice da produção gaúcha subiu 13%.

Vale lembrar que a produção nacional de dezembro, de -4,6% em relação a novembro, deixou 2019 em terreno negativo, com -0,1%.

Esta notícia é sobre a sua empresa? se cadastre e deixe seu contato

update post set views = coalesce(views, 0) + 1 where post_id = 8011