53e544e0-db84-11ea-b1d3-42d340dc91a3_image_hires_091239.jpg

Importação de móveis da China cai 17% em 9 meses

Se o câmbio favorável não alavancou as vendas externas, o dólar alto pelo menos serviu para inibir as importações, o que é bastante favorável ao móvel brasileiro. Significa menos concorrência, principalmente com móveis chineses que representam 48% do total importado. Este, por sinal, é um dado preocupante porque dos 20 maiores foi a China que registrou menor queda na comparação com igual período do ano passado. Apenas 17%, bem menos que a média, como se vê. A maior queda veio das importações da Coréia do Sul (-57%), recuando de 26,8 milhões para 11,6 milhões de dólares. No outro extremo está o Paquistão, único dos 20 maiores a registrar alta, de 6%.

exportações de painéis sobem mais de 40% até setembro

Os 20 maiores importadores respondem este ano por 96% do total, um ponto percentual a mais do que no mesmo período de 2019.

Veja a seguir o quadro com todos os detalhes das compras dos 20 maiores importadores:

Esta notícia é sobre a sua empresa? se cadastre e deixe seu contato