casadepedra1.png

Empresa gaúcha aposta no sofá em caixa

Assim como existem os colchões em caixa, agora também existem os sofás. Já que a fórmula deu certo para os fabricantes de colchão, por que não expandir para os sofás? E essa foi a aposta da Casa de Pedra, empresa de estofados de Farroupilha (RS), e que já conta com mais de 40 anos de atuação no mercado.

A premissa para a criação dos sofás em caixa não é nada diferente da dos colchões. “Percebemos no mercado a necessidade de fazer produtos que possam unir conforto, estética e praticidade na entrega”, afirma Afonso Favaro Forensi, diretor da Casa de Pedra. Aliás, a facilidade em transportar o produto, se mostra como o grande diferencial.

“Em seus mais de 40 anos de existência a casa de pedra sempre foi uma empresa inovadora que busca estar sempre em sintonia com o mercado. Possuímos um espaço exclusivo para as inovações: o Casa Lab, que une pesquisa, desenvolvimento e prototipagem. Em paralelo a essa demanda tivemos a oportunidade de firmar uma parceria com a empresa mega consultoria, através de seu diretor Ronaldo Mentiaca buscando desenvolver uma linha de produtos exclusiva para o e-commerce”, conta o diretor sobre o nascimento do projeto.

Afonso Favaro Provensi e Verônica Favaro Provensi diretores da Casa de Pedra Estofados  

E quando se trabalha com e-commerce, a entrega é algo fundamental para conquistar clientes e facilitar a rotina da empresa. “Colocar o sofá dentro da caixa facilita a armazenagem, transporte, entrega e conferência do produto minimizando possíveis avariais até o seu destino final”, explica Afonso.

Mesmo fabricando um sofá que pode ser colocado dentro de uma caixa, Afonso esclarece que isso não tira a beleza do produto. “Eles foram desenvolvidos com a premissa de serem compactos, confortáveis e práticos no transporte, alinhado a um design moderno e atemporal. Ou seja, o design é totalmente adequado à essa proposta e feito para agradar diversas faixas etárias”.

Leia: INMETRO LIBERA GERAL E O COMPRADOR DE COLCHÃO É QUEM PERDE

Como o sofá está dentro do segmento dos compactos, o preço se assemelha às demais peças da categoria. “Essa linha de sofás em caixa se destaca dentro desse nicho, pois continua usando do mesmo conceito de produção e fatores de qualidade da linha Casa de Pedra”, afirma o diretor.

E nem o aumento de preço das embalagens de papelão – mostrado recentemente pela Móveis de Valor – está atrapalhando o desenvolvimento do projeto e inserção no mercado. “Apesar de ser colocado na caixa, o produto também conta com outros diferenciais que agregam valor. Por isso, acredito que, mesmo neste momento de alta do papelão, essa linha de sofás poderá continuar competindo de igual para igual com os demais estofados”, garante Afonso Provensi. E ele ainda acrescenta que “o produto está sendo bem aceito pelos lojistas, pois o mercado está ávido por mudanças”.

Sofá colocado dentro da caixa

 

Esta notícia é sobre a sua empresa? se cadastre e deixe seu contato