businessman-broker-analyzing-finance-data-graphs-and-reports-on-screen.jpg

Venda de móveis em fevereiro aumenta em comparação a janeiro

Não foi uma maravilha, mas o volume de vendas de fevereiro foi melhor que a de janeiro, segundo a pesquisa mensal do IBGE. Também é importante considerar que fevereiro de 2020 foi excepcional, com alta de 7,7% a comparação com igual mês do ano anterior. Portanto, o aumento de 2,6% em fevereiro deste ano deve ser comemorado, inclusive porque reverteu a queda verificada em janeiro, de -1,9%.

Entre as 12 regiões pesquisadas pelo IBGE, a maior alta em fevereiro ocorreu em Minas Gerais, com 44% na comparação com igual mês do ano anterior. E, note que o estado mineiro havia registrado alta de 6,9% no segundo mês do ano passado na comparação com igual período de 2019. Em segundo está o Rio Grande do Sul, com 18,1%, seguido da Bahia com 17,7%. Porém, ambos vêm de resultados negativos na base de comparação (fevereiro de 2020), de -21,3% e 6,0%, respectivamente.

Das 12 regiões, registraram números negativos em fevereiro o Espírito Santo -14,2%, Pernambuco -10,8% e São Paulo -10,6%.

leia: PREÇOS DOS MÓVEIS PERDEM PARA A INFLAÇÃO NOS ÚLTIMOS 12 MESES

Em relação a receita nominal de vendas os números foram melhores, considerando os reajustes de preços verificados pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Em fevereiro a alta da receita de venda de móveis foi de 4,2%, com o maior percentual sendo registrado também em Minas Gerais, com 58,1%, seguido de longe pelo Rio Grande do Sul, com 26,9%.

Veja abaixo o quadro completo da variação do volume de venda de móveis em fevereiro e o índice acumulado nos dois primeiros meses de 2020 e 2021.

Esta notícia é sobre a sua empresa? se cadastre e deixe seu contato