Loja_Shop.jpg

A importância da experiência para atender o mercado de colchões

*Rafael Moura, fundador e CEO da I wanna sleep

No Brasil, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Colchões, o mercado do sono movimenta R$7 bilhões por ano. Em contraponto, mais da metade da população brasileira sofre para dormir bem, segundo o Instituto do Sono. Esses dados mostram a importância desse setor que vem passando por transformações e adaptações para atender a alta demanda de pessoas que precisam dormir melhor.

Uma dessas transformações está diretamente relacionada à tecnologia. Se antes o mercado era dominado, quase que inteiramente, pelas tradicionais lojas de colchões, que ofertavam opções restritas a tamanhos, conforto e preço, hoje precisa ir muito além. 

O estilo de vida de cada consumidor interfere diretamente em suas preferências e necessidades em relação ao sono. Por isso, é preciso analisar a particularidade de cada um e a tecnologia chegou nesse mercado exatamente para auxiliar nisso. Neste contexto, companhias como a I wanna sleep surgem para atender às novas demandas dos consumidores, em especial aqueles que buscam por mais qualidade de vida. 

Hoje, por exemplo, podemos contar com uma manta com 1,6 mil sensores, chamada de Body Scan IWS, que escaneia o corpo e informa qual o colchão mais indicado para ter uma boa noite de sono. Além de ser possível traçar um diagnóstico de personalidade noturna, indicando quais produtos fazem mais sentido para cada perfil. 

Ainda é preciso mostrar ao mercado o quanto a experiência se faz necessária. Começando com uma grande oferta de produtos, que não só contribuem com o sono, mas com o relaxamento em diversos momentos do dia e para todas as idades. Desde os próprios e tradicionais travesseiros a velas aromáticas, chás, chinelos massageadores e peças de sleepwear confortáveis. 

Você já deve ter ouvido falar que estamos vivendo a era da experiência, certo? Ela chegou aos poucos no setor para mostrar que é muito mais importante que em qualquer outro, arrisco dizer. Uma movimentação que estimula os sentidos do cliente, no que diz respeito a tocar, provar, sentir e ouvir, ou seja, a ter um contato mais íntimo com o produto, permitindo que o cliente usufrua de todas as funcionalidades e benefícios que o item promete.

Sendo assim, uma experiência completa e inovadora, que une tecnologia e uma grande oferta de diversidade de produtos, faz com que nossos clientes criem identificação com o nosso modelo, marca e produtos. Mostrando o quanto a transformação desse mercado tem sido importante, principalmente para a população, que ganha em melhoria da qualidade de vida.

Sobre Rafael Moura

Rafael Moura é fundador e CEO da I wanna sleep, Retail Tech focada em sono e relaxamento.  Formado em engenharia agrônoma e de produção, abriu mão de trabalhar em uma empresa familiar no setor agrícola para empreender. Antes da I wanna sleep, já esteve à frente de três empresas de internet e computação. Moura também foi selecionado dentre 600 empreendedores pela Endeavor para o programa Scale Up BRMalls Partners.

 

Esta notícia é sobre a sua empresa? se cadastre e deixe seu contato