Móveis de Valor 20 anos: Visão 21 a MVTV, projetos inéditos na história

20 anos depois, acredito que estamos cumprindo nossa missão. Jamais tivemos a pretensão de mudar o setor moveleiro, mas sim contribuir com aqueles que queriam mudar. 

Há 20 anos, então com 51 anos de idade, resolvi que estava na hora de empreender. Mas não faria isso sem a participação de minha companheira. Inalva Corsi, minha sócia, não era apenas a melhor jornalista do setor moveleiro, mas tinha uma habilidade inata para empreender e, como eu, acreditava que era nosso dever contribuir com empresários moveleiros, especialmente aqueles que buscavam informação de qualidade para orientar suas decisões.

Lançada em março de 2001, a revista Móveis de Valor se tornou o primeiro veículo de comunicação do País a integrar toda a cadeia moveleira – fornecedores, fabricantes, lojistas e profissionais do setor.

Desde então, nosso objetivo sempre foi ser mais do que apenas uma revista impressa, buscamos nos manter engajados no setor moveleiro, desenvolvendo projetos inovadores e conteúdos estratégicos através de diferentes plataformas.

E, quando olhamos pelo retrovisor, vemos que cumprimos em grande parte a nossa proposta.

Seguindo com o objetivo de ser um centro de excelência para o setor, em 2002 a empresa desenvolveu o primeiro estudo de potencial de mercado, à época chamado Brasil Moveleiro.

Neste mesmo ano lançamos a série Uma História de Sucesso, mostrando a trajetória de líderes do setor. Era uma preocupação da editora em guardar a memória do setor para o futuro.

Outro projeto que marcou a história da Móveis de Valor foi o Visão 21, desenvolvido em 2003. Dois anos mais tarde o projeto cresceu e teve a primeira Loja Modelo em São José dos Pinhais, região metropolitana de Curitiba. A proposta do espaço era demonstrar um modelo ideal de apresentação de uma loja, unindo montagem de vitrines, organização dos móveis, uso do marketing sensorial olfativo, sonoro e de cores.

Ainda em 2005 o projeto Visão 21 ganhou outra loja modelo, em Recife, e dois anos depois, foi inaugurada mais uma em Belo Horizonte. Dentro destes ambientes também eram disponibilizados cursos de especialização para gerentes, vendedores, montadores e proprietários de lojas. Mais de 12 mil pessoas fizeram cursos e treinamento nestes três locais, tornando-se até hoje o maior projeto de capacitação de varejistas do País.

A Móveis de Valor também criou o Clube do Designer, projeto que juntou quase uma centena de profissionais, promovendo encontros, visando estreitar a relação dos designers com os empresários moveleiros. 

Em 2006 idealizamos o Congresso Nacional Moveleiro, evento com objetivo apresentar cenários e tendências de mercado, com foco na geração de negócios e na customização tecnológica.

Também em 2006 lançamos a obra MOVELSUL – 15 passos de uma epopeia, narrando a história de 15 edições da maior feira de móveis do Brasil.

Em 2008 criamos o “Biomóvel”. Idealizado para o Sindicato da Indústria do Mobiliário de São Bento do Sul, consistia no desenvolvimento de estratégia de mercado com produtos focados em minimizar os impactos ambientais em todas as fases do ciclo de vida de um móvel.

Foi também em 2008 que a revista se tornou a primeira no mundo a lançar um canal de TV 100% moveleiro. A MVTV distribui conteúdos via web toda semana ao longo dos últimos 13 anos, através de um canal no YouTube.

Entre os anos de 2009 e 2010 a Móveis de Valor resolveu dar um passo a mais e passou a desenvolver cursos profissionalizantes no formato EAD. Mestre Marceneiro já capacitou mais de 5.000 profissionais; o SuperGerente e Venda de Móveis Planejados, alcançaram milhares de profissionais do varejo moveleiro.

Em 2012 lançamos mais uma obra importante para guardar a história da mais importante feira de fornecedores da época. FIMMA – o encontro com a inovação.

No ano seguinte iniciou-se uma parceria com o Instituto Nacional de Estudos do Repouso (INER) que resultou em novos cursos para vendedores de colchões. Essa iniciativa permitiu que ao longo dos últimos 12 anos milhares de profissionais se especializassem através dos conteúdos produzidos pela Móveis de Valor.

Outro marco importante foi a criação do Instituto Impulso, transformado em OSCIP em 2014. O objetivo é orientar, informar, defender e mobilizar o mercado moveleiro do Brasil.

Em 2015 a Móveis de Valor tirou do papel mais dois grandes projetos: o Anuário de Colchões Brasil e a MV Norte & Nordeste.

Em 2017 nos dedicamos a outro projeto de relevância: o prêmio Lojista de Ouro, criado em reconhecimento a 100 lojistas do Norte e Nordeste.

Outro prêmio importante desenvolvido pela Móveis de Valor é o TOP 20, criado em 2019, e responsável por eleger anualmente 20 marcas de excelência do setor.

20 anos depois, acredito que estamos cumprindo nossa missão. Jamais tivemos a pretensão de mudar o setor moveleiro, mas sim contribuir com aqueles que queriam mudar. Somos gratos a todos os parceiros que estiveram conosco durante neste tempo, aos que, de alguma forma, colaboraram para que pudéssemos agora contar a nossa história. Modéstia à parte, UMA BELA HISTÓRIA!

E, cá entre nós, temos muito para fazer ainda, por isso - com certeza, você pode continuar contando com a gente, como aconteceu até aqui.

Esta notícia é sobre a sua empresa? se cadastre e deixe seu contato